A importância da comunicação dentro (na equipa de trabalho) e da equipa/grupo.

 

A união de várias pessoas para obter um mesmo objetivo è normalmente chamada como comunicaçao de grupo.

Para obter uma comunicação eficaz é necessário saber ouvir/escutar , não pensar que a verdade é só uma , e , quando possível, chegar a um compromisso para o bem comum.

No nosso caso , o bem comum é, o bem estar dos animais com que trabalhamos.

 

E quais são alguns pontos fundamentais para obter tudo isto?

 

  • Saber falar diretamente e com ideias claras.
    Devemos evitar qualquer tipo de comunicação pouco clara , e sempre de maneira educada.

 

  • Defenir dentro da equipa o papel ou posição de cada elemento.
    Todo o staff que faz parte da equipa de trabalho, deve saber exatamente a nível hierárquico onde se encontra e quais as suas funções .

 

  • Envolver o staff em todos os aspetos e desafios do trabalho.
    Todo o staff deve ser envolvido nas várias atividades e objetivos pré dispostos ,e aprender a assumir a responsabilidade, seja nos sucessos ou nos insucessos. Isto ajudará no crescimento individual de cada elemento.

 

  • Resolução de problemas.
    Não devemos deixar nada ao acaso , não ir embora do local de trabalho com um problema por resolver, seja esse a nível pessoal ou profissional. Isto porque, se não dermos valor a um pequeno problema, com o stress diário ou outro tipo de situação, um pequeno desentendimento pode criar o “fim do Mundo”

 

  • Formação“fácil”.
    É importante facilitar a leitura aos vários relatórios e protocolos de treino e outro para ajudar na formação do staff. É importante que todos tenham uma ideia bem clara de todos os critérios utilizados com os animais e obviamente um conhecimento profundo de todo o vocabulário de treino utilizado na nossa profissão; se não todo, ao menos o mais importante. É importante que seja bem defenido quais as pessoas com quem devem falar em caso de dúvidas. Normalmente é com a pessoa responsável.

 

  • Vontade de aprender e melhorar.
    Quando começamos uma tarefa ou treino é melhor não tentar chegar imediatamente à sua conclusão. As vezes com a vontade de mostrar serviço e demonstrar ao chefe que somos capazes, corremos muitos riscos e cometemos muitos erros. Isto pode levar a perder a bússola e ficar desmotivado. È melhor fazer as coisas com calma e bem. Mesmo se cometermos algum erro tem um impacto menor no comportamento e no nosso moral. De certeza que chegaremos primeiro a um melhor resultado.

 

  • Nunca se esquecer do sindroma de “Dunning-Kruger”
    O efeito Dunning-Kruger é um fenômeno que leva indivíduos que possuem pouco conhecimento sobre um assunto a acreditarem saber mais que outros mais bem-preparados, fazendo com que tomem decisões erradas e cheguem a resultados indevidos; é a sua incompetência que restringe sua capacidade de reconhecer os próprios erros. Estas pessoas sofrem de superioridade ilusória.
    Ter este conceito em mente é sempre muito importante, mais cedo ou mais tarde vamos ter que enfrentar uma situação deste tipo. É então que no momento exato devemos ter bem presente o verdadeiro conhecimento que temos em relação a essa situação e de saber meter em prática o dom da auto critica. Aceitar que alguém tenha mais conhecimento que nós e que até uma pessoa com menos experiência nos pode dar um bom conselho. Se formos inteligentes e metermos toda esta informação junta, numa próxima situação estaremos melhor preparados.

 

Nós, a Wezooit pensamos que ter em mente todos estes conceitos leva a ter dentro da própria equipa uma atitude positiva e pró-ativa. Tudo isto se pensarmos bem no fim, vai trazer nada mais do que beneficíos para os nossos animais.

 

 

 

SHARE